Homem com mandado judicial em aberto por duplo homicídio é preso - TNOnline

Tribuna do Norte Online

clouds

Vale do Ivaí

Homem com mandado judicial em aberto por duplo homicídio é preso

Homem com mandado judicial em aberto por duplo homicídio é preso
- Foto: Arquivo TN
Escrito por Da Redação
Publicado em 22/01/2021, 11:30
Modificado em 22/01/2021, 11:36
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

Na noite desta quinta-feira (21), um homem, de 25 anos, foi preso no sítio São José, em Califórnia, com mandado judicial em aberto por duplo homicídio. A investigação foi iniciada sob o comando da delegada Tatiana, da Delegacia de Homicídios, de Curitiba e corre sob segredo de justiça. 

Conforme informações do delegado Marcus Felipe da Rocha Rodrigues, da 17ª Subdivisão Policial de Apucarana, a delegada informou que havia a suspeita do homem, de 25 anos, estar escondido em uma propriedade rural de Califórnia.

Conforme informações do delegado, Juliano Ferreira da Silva, de 25 anos, teve a prisão decretada por suposto envolvimento em um duplo homicídio registrado no ano passado em Curitiba. Além disso, a delegada informou que considera o preso perigoso.

A Polícia Civil segue em uma investigação sigilosa e de acordo com Marcus, se trata de um duplo homicídio. 

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Mais matérias de Vale do Ivaí

Deixe seu comentário sobre: "Homem com mandado judicial em aberto por duplo homicídio é preso"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
TribunaPlay

TNTV play-circle

Família procura por idosa de 64 anos desaparecida há 5 dias

Mais Notícias

22ª RS recebe  novas vacinas para aplicar em idosos com mais de 80 anos
Ivaiporã

22ª RS recebe novas vacinas para aplicar em idosos com mais de 80 anos