Região

Lei Aldir Blanc beneficia 24 artistas, três grupos e dois espaços culturais em Jardim Alegre

Os editais foram através de recursos federais disponibilizado para prefeitura no valor total de R$ 100.904,60.

Da Redação ·
Os editais foram executados do dia 06 ao dia 27 de novembro
fonte: TN Online
Os editais foram executados do dia 06 ao dia 27 de novembro

A Prefeitura de Jardim Alegre por meio Divisão da Cultura divulgou nesta semana resultado dos três editais de chamamento público, referentes aos recursos da Lei Aldir Blanc, que beneficiaram 24 artistas, três grupos e dois espaços culturais. Os editais foram através de recursos federais disponibilizado para prefeitura no valor total de R$ 100.904,60.

continua após publicidade

Segundo Ana Paula Mariano dos Santos, chefe da divisão de cultura, todo o processo de seleção que culminou na lista final de beneficiários cumpriu à risca os regramentos da lei Aldir Blanc. Os editais foram executados do dia 06 ao dia 27 de novembro, e o pagamento dos contemplados ocorreu na última semana de 2020.

“Esse recurso veio para ser distribuído no município, para os artistas, agentes fazedores de cultura e empresas que sofreram impacto econômico devido a pandemia.  Nós só tínhamos a função de intermediar e distribuir de maneira legal esses recursos”, comentou.

continua após publicidade

Ele explicou ainda que Jardim Alegre optou por trabalhar com três editais, o de subsídio a espaços culturais, “nós comtemplamos a rádio comunitária e um estúdio fotográfico. Abrimos para cinco empresas, mas tivemos somente dois classificados, que conseguiram se enquadrar completamente”. Cada empresa recebeu R$ 9.000,00. “Essas empresas deverão dar um retorno de serviços para o município de 50% desse valor”, explicou

Através do edital de conteúdo digital - Jardim Alegre tem Cultura - foram comtempladas nove pessoas, que produziram vídeos ensinando a prática cultural deles. Cada premiado recebeu R$ 3,333,00. 

Pelo edital - Prêmio em Reconhecimento à Trajetória Cultural – os benefícios foram concedidos a artistas e grupos culturais.

continua após publicidade

“O prêmio de reconhecimento possibilitou que ampliássemos o número de comtemplados. Tivemos três grupos comtemplados e quinze individuais. Eles tinham que contar em vídeo a trajetória cultural deles, podendo inserir fotos e vídeos da trajetória”, explicou Ana Paula.  Os premiados individuais receberam R$ 1.526,00 mil e os grupos culturais R$ 10,000 cada um. 

Ainda segundo Ana Paula graças a essas ações, Jardim Alegre conseguiu formar um panorama das atividades artísticas e culturais.

“Isso foi fundamental para que nós gestores de cultura consigamos desenvolver o nosso trabalho cada dia melhor. Diferente de outros municípios, aqui em Jardim nós não encontramos músicos e artistas plásticos que vivessem só disso. Mas, temos as artes visuais, audiovisual, manifestações populares, tradicionais e étnicas da cultura.  Sendo agora possível desenvolver políticas públicas voltadas para o setor, valorizando a nossa cultura”.

continua após publicidade

Os vídeos do conteúdo digital e de reconhecimento à trajetória se encontram disponíveis no site da Prefeitura e Casa da Cultura de Jardim Alegre.

continua após publicidade

Premiação “Jardim Alegre tem Cultura – Licenciamento de Conteúdo Digital”

https://youtube.com/playlist?list=PLSSyloaUQdR6-ZhyS0X7ZvRznA9pYOxYO

"Prêmio em Reconhecimento à Trajetória"

https://youtube.com/playlist?list=PLSSyloaUQdR6o46_90_ztAYT5ObDZB7j1