Região

Réu é condenado a 22 anos e 6 meses de prisão em Jandaia do Sul

Da Redação ·

O Tribunal do Júri se reuniu hoje (4) no fórum da Comarca de Jandaia do Sul e condenou Laércio Vieira dos Santos, 31, a 22 anos e seis meses de reclusão pelos crimes de estupro e homicídio. A sentença foi dada pelo juiz João Gustavo Rodrigues Stolsis. De acordo a denúncia oferecida pelo Ministério Público (MP), emjaneiro do ano passado ele violentou e matou uma idosa no distrito de Jussiara, em Kaloré. Como ele já está condenado a setes anos de prisão por tráfico de drogas em Mandaguari, as penas somadas totalizam 29 anos e seis meses de reclusão.

continua após publicidade

No início do julgamento o réu foi repreendido pelo magistrado após pedir a palavra e fazer ironias e ameaças. A promotora Fernanda Lacerda Silvério chegou a chamá-lo de "psicopata".

continua após publicidade


O crime chocou a comunidade na época. Laércio era conhecido da vítima, que morava sozinha. O fato ocorreu na noite do dia 24 de janeiro de 2010. De acordo com o processo penal, Laércio Vieira dos Santos, violentou e matou Geralda Maria de Jesus dos Santos, de 78 anos.


Ele teria sido recebido na casa e depois barbarizou a vítima. A idosa foi encontrada morta no dia seguinte por um sobrinho.


“Em tantos anosno Ministério Público não tinha visto alto assim”, diz a promotora Fernanda Lacerda Silvério.