Tribuna do Norte Online

Paraná

Paraná tem apenas 17 respiradores disponíveis, diz Beto Preto

Agência Estadual de Notícias do Paraná ·
Imagem ilustrativa da notícia Paraná tem apenas 17 respiradores disponíveis, diz Beto Preto
fonte: Gilson Abreu/AEN

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) divulgou, neste sábado (27), o novo boletim do coronavírus no estado. São 5.225 novos casos confirmados e 95 mortes em decorrência da infecção. Ao todo, o Paraná soma 638.750 casos confirmados e 11.547 mortes causadas pela covid-19.

continua após publicidade

Até este sábado, 1.566 pacientes com diagnóstico confirmado da doença estão internados. São 1.372 pacientes em leitos SUS (630 em UTI e 742 em leitos clínicos/enfermaria) e 194 em leitos da rede particular (84 em UTI e 110 em leitos clínicos/enfermaria).

De acordo com o secretário de Saúde, Beto Preto, em entrevista à RPCTV, o estado tem apenas mais 17 ventiladores pulmonares disponíveis. “Hoje, a situação é crítica, se quisermos abrir mais oitocentos leitos de UTI que necessitem de respiradores, não teremos a possibilidade, pois restam apenas 17 ventiladores mecânicos em todo o estado”, relatou.

continua após publicidade

Segundo o boletim estadual, outros 1.925 pacientes internados, 702 em leitos UTI e 1.223 em enfermaria, ainda aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo Sars-CoV-2.

Vacinação

O Paraná aplicou 396.049 doses, sendo 297.611 da primeira dose e 98.438 da segunda dose contra a covid-19 até a manhã desta sexta-feira (26). Portanto, 297.611 paranaenses já foram vacinados, número muito baixo, que representa menos de 3% da população do estado.

continua após publicidade

Ao todo, o Paraná recebeu somente 706,2 mil doses do Governo Federal até o momento.

Óbitos

A secretaria estadual informa a morte de mais 95 pacientes. São 41 mulheres e 54 homens, com idades que variam de 16 a 98 anos. Os óbitos ocorreram entre 27 de junho a 27 de fevereiro de 2021.

continua após publicidade

Lockdown

Para tentar enfrentar este cenário, nesta sexta-feira (26), o governador Ratinho Junior (PSD), anunciou novas medidas restritivas no estado. Entre elas, a suspensão de todas as atividades não essenciais nos próximos dias, entre 27 de fevereiro e 08 de março, além da proibição de circulação — toque de recolher — em espaços e vias públicas, das 20 horas às 05 horas, e a suspensão imediata das aulas presenciais em toda rede pública e particular. 

Tags relacionadas: #PANDEMIA #paraná