Esportes

Presidente do Delfín revela proposta do Santos por gigante zagueiro equatoriano

Da Redação ·

Assim como fez no Corinthians, o técnico Fábio Carille deve iniciar a reformulação do elenco santista para 2022 pela defesa. O treinador sempre enfatizou que, com segurança atrás, seus times têm tudo para brilhar na frente. Depois de fechar com Eduardo Bauermann, do América-MG, agora estaria atrás do zagueiro equatoriano Luís Cangá. De acordo com o presidente do Delfín, o clube já teria até feito uma proposta para o grandalhão de 1,90m.

continua após publicidade

Cangá é um dos destaques da equipe no Campeonato Equatoriano. O defensor de 26 anos tem contrato até dezembro e está avaliado em 600 mil euros (aproximadamente R$ 3,8 milhões), valor considerado atrativo para o clube brasileiro que já adiantou querer "montar um time competitivo sem gastar muito".

"O Luís Cangá termina o contrato no fim do ano. É um jogador muito importante na nossa história e pode jogar em qualquer clube na América do Sul. Eu entendo que o Santos do Brasil o quer. É do Santos (oferta que o defensor tem nas mãos). Uma proposta muito próxima e espero que dê muito certo", afirmou o presidente do Delfin à Rádio Arena Desportiva, do Equador.

continua após publicidade

O Santos amargou muitas eliminações dolorosas em 2021 por causa de carências no setor defensivo, sobretudo após perder Bruno Peres e Lucas Veríssimo, no começo da temporada. Ficou com meninos e com nomes contestados pela torcida.

Como ainda não definiu matematicamente sua permanência na elite do Brasileirão, o assunto sobre contratações e reformulação é tratado com cuidado para evitar desmotivação ao atual elenco. O próximo compromisso santista é na segunda-feira, diante do Flamengo, no Rio. Depois de perder na Vila Belmiro por 4 a 0 para os cariocas, a ordem é tentar segurar os oponentes no reencontro com Gabriel Barbosa, autor de três gols no jogo do primeiro turno do Brasileirão. A preparação para este jogo começa nesta quarta-feira.