Economia

Vendas do varejo caem 1,2% em abril ante março, mostra Serasa Experian

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

As vendas nacionais do varejo físico caíram 1,2% em abril, na comparação com março, mostrou o Indicador de Atividade do Comércio da Serasa Experian. A contração foi puxada pelo segmento de Veículos, Motos e Peças, que registrou queda de 4,2%, após recuo de 7,7% no mês anterior.

continua após publicidade

"O retorno das atividades comerciais pós pandemia tem sido afetado por fatores como as consecutivas altas da inflação e da taxa de juros, além do endividamento e inadimplência das famílias brasileiras, que bateu novo recorde em abril, assolando o poder de compra dos consumidores e dificultando o fluxo de caixa das empresa", explica em nota o economista da Serasa Experian Luiz Rabi.

Na direção contrária do setor, o segmento de Combustíveis e Lubrificantes apresentou crescimento de 3,3% em abril, mesmo com os reajustes de preços da Petrobras em março.

continua após publicidade

"Um dos motivos é a volta das atividades presenciais, aumentando a circulação de pessoas nas cidades", diz Rabi.