Apucarana

Banco de Leite do Hospital da Providência obtém certificado “padrão ouro”

.

O Banco de Leite Humano do Hospital da Providência e Hospital da Providência Materno Infantil, em Apucarana, conquistou pelo terceiro ano consecutivo a certificação de excelência na categoria padrão ouro do Programa Ibero-americano de Bancos de Leite Humano e Instituto Fiocruz.

O programa avalia o grau de conformidade que o serviço apresenta de acordo com as exigências da Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano. Desde 2014 o Banco de Leite Humano é analisado, de lá para cá, o serviço atingiu nota máxima em todas as avaliações do programa.

De acordo com a coordenadora do BLH do “Providência” e “Materno Infantil”, enfermeira Julia Inserti Parra, o certificado em nível “padrão ouro” mostra o controle de qualidade do serviço realizado. “A avaliação verifica se todos os exames estão sendo realizados, se os procedimentos padrões estão sendo adotados e se o Banco de Leite Humano opera com funcionários capacitados para exercer a função, além dos equipamentos utilizados”, explica.

O BLH é um serviço desenvolvido para promover, proteger e incentivar o aleitamento materno. Entre suas atribuições está o importante trabalho de arrecadar leite materno através de doações. “Se não tivéssemos o Banco de Leite Humano seria necessário alimentar os bebês prematuros com fórmulas lácteas, o que não é o ideal, uma vez que o leite materno tem tudo àquilo que o bebê precisa no aspecto nutritivo e também auxilia na prevenção de doenças”, ressalta Parra.

Após a chegada das doações é feito o processo de seleção do leite doado, controle de qualidade e pasteurização. Posteriormente, ainda são encaminhadas amostras ao laboratório para verificar se o leite é adequado para a alimentação dos bebês e depois de aprovado, o leite humano pasteurizado é destinado aos recém-nascidos internados na UTI Neonatal do HPMI. Para a realização destes trabalhos a unidade conta com cinco profissionais, dentre elas uma enfermeira, uma técnica de enfermagem, uma nutricionista, uma lactarista e uma jovem aprendiz.

O Banco de Leite também presta atendimento às mães e bebês com dificuldades na amamentação, tanto na unidade, como em domicílio quando necessário.

Além do município de Apucarana, os órgãos de saúde dos municípios da região apoiam o Banco de Leite Humano encaminhando as doações de leite materno para a unidade.